Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Cadeia Produtiva > Entrevistas

Especial Marcas - Cava Alimentos - "Os animais comercializados possuem idade abaixo de 6 meses"

postado em 23/02/2011

6 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Devido o sucesso do Especial Associações lançado em 2010, o FarmPoint está inaugurando este ano o Especial Marcas, projeto que visa divulgar aos leitores as marcas de carne ovina presentes hoje no mercado e o que elas vêm fazendo para fortalecer a atividade. Nesta quarta edição, entrevistamos Alexandre Marchesi, sócio proprietário gestor do projeto CAVA e André Luis Rocha, médico veterinário reponsável pelo projeto CAVA e responsável técnico da CAVA Alimentos.

Figura 1 e 2 - Alexandre Marchesi e André Luis Rocha.



FarmPoint - Qual é a história da Cava Alimentos e o principal objetivo do estabelecimento?

André/Alexandre - "A Cava Alimentos surgiu da ideia de viabilizar as atividades rurais da família, tais como bovinocultura, bubalinocultura e principalmente a ovinocultura. O intuito da empresa era apenas consumir os animais provenientes da própria fazenda, abatê-los, industrializar a carne e distribuir no mercado consumidor de Goiânia. Com o passar dos meses percebemos uma boa aceitação de nossos produtos e fez-se necessário uma expansão da produção. Atualmente, além de atendermos nossas duas lojas de varejo, terceirizamos serviços a outras empresas manipulando produtos cárneos e similares. A empresa sede se localiza em Jussara/GO, com filial em Goiânia".

FarmPoint - Onde os cordeiros comercializados pela Cava Alimentos são abatidos? Quais são as características dos rebanhos envolvidos?

André/Alexandre - "O abate dos animais é terceirizado por frigoríficos credenciados e as carcaças são enviadas para nossa desossa localizado em Jussara. Os animais comercializados possuem idade abaixo de 6 meses com média de peso de 35 kg. Buscamos sempre a maior padronização possível através do cruzamento industrial, preferencialmente entra as raças Santa Inês e Dorper. O nosso abate gira em torno de 3.500 cordeiros/ano".



FarmPoint - Como vocês fazem para manter a padronização?

André/Alexandre - "No campo, exigimos de nossos fornecedores os mesmos padrões de criação praticados por nós e nos frigoríficos a nossa equipe acompanha todo o abate e manipulação".

FarmPoint - Onde e como os produtos da Cava Alimentos são comercializados?

André/Alexandre - "Atualmente nossos produtos são comercializados no estado de Goiás, no varejo (lojas próprias) e no atacado para outras lojas de varejo, churrascarias e restaurantes. Logística da empresa".



FarmPoint - Você acredita que a criação de marcas fortes de carne ovina no Brasil pode contribuir para uma maior fidelização e credibilidade dos consumidores?

André/Alexandre - "Sim. Quanto mais marcas de qualidade existirem, melhor para a divulgação do produto entre os consumidores, significando também um aumento de consumo".

FarmPoint - Como está a demanda por carne ovina em Goiás?

André/Alexandre - "Em uma lenta ascensão, as pessoas ainda não se acostumaram com a ideia de que a carne ovina está ao alcance de qualquer um e em qualquer classe social. Ainda existe o mito de carne cara e só para datas comemorativas".

FarmPoint - O que você espera do mercado ovino para os próximos anos?

André/Alexandre - "A tendência é de crescimento. A média de consumo de carne ovina do brasileiro é de 0,4 kg/ano, cinco vezes mais baixa se comparada com outros países onde a população tem poder aquisitivo igual ao do Brasil e produção de carne menor. O maior problema em nosso país é o abate clandestino que constitui 80% de todo abate realizado no país".

Para entrar em contato com a Cava Alimentos: (62) 3373-1402 ou (62) 3087-0661.

Veja as outras edições do Especial Marcas:

Especial Marcas - Cordeiro Real - "A marca é consequência da nossa obsessão por qualidade"

Especial Marcas - Cordeiro Herval Premium - "O mercado ovino está passando por uma fase maravilhosa"

Especial Marcas - VPJ Alimentos - "Projetamos um abate de 100.000 cordeiros para 2011"

Você conhece outras marcas de carne ovina? Participe entrando em contato pelo box abaixo ou através do email: contato@farmpoint.com.br

Equipe FarmPoint

Avalie esse conteúdo: (4 estrelas)

Comentários

DANILO ANTÔNIO

Torixoreu - Mato Grosso - BOVINOCULTURA, OVINOCULTURA, SUINOCULTURA.
postado em 23/02/2011

Conheço a marca "cava cordeiro" e também a loja de goiânia e jussara, já estive visitando e comprando cortes especiais, eles estão de parabéns pelo trabalho que vem realizando na ovinocultura do estado de goiás. Parabéns!!

Marco Gouveia

São Paulo - São Paulo - Mídia especializada/imprensa
postado em 24/02/2011

Parabéns pela seriedade da Cava Alimentos.

Marco Gouveia - Revista Reação / Revista Cabra & Ovelha

André Luis Rocha

Goiânia - Goiás - Consultoria/extensão rural
postado em 01/03/2011

Caro Danilo, obrigado pelas palavras e pela confiança !!

André Luis Rocha

Goiânia - Goiás - Consultoria/extensão rural
postado em 01/03/2011

Caro Marco, voce usou a palavra chave do nosso projeto e de qualquer outro que queira ter exito, seriedade!!
Obrigado.

jose buranello filho

Aragarças - Goiás - PECUARIA CRIA
postado em 30/08/2013

PARABENS A FAMILIA MARCHESSI PELO BELO TRABALHO DA CAVA CORDEIRO , SEMPRE EM NOSSAS REUNIOES FAMILIARES NAS FAZENDAS OU EM MINHA RESIDENCIA EM IPUA SP  NAO PODE MAIS FALTAR  A CARNE DE CORDEIRO DA CAVA , TODA A FAMILIA APROVOU .

Weig

Mineiros - Goiás - Produção de ovinos de corte
postado em 10/12/2014

Parabens. A Ovinocultura em Goias precisa dessa seriedade que a Cava traz..

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade