Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Arnaldo dos Santos, ovinocultor e presidente da Aspaco

postado em 22/12/2006

6 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Arnaldo dos Santos Vieira Filho

Arnaldo dos Santos Vieira Filho, presidente da Associação Paulista de Criadores de Ovinos - ASPACO, criador de ovinos e Sócio-Diretor da Pontovinos Comércio de Produtos Agropecuários



Formação: Administração de Empresas - EAESP/FGV

Cargo atual: Presidente da Associação Paulista de Criadores de Ovinos - ASPACO, criador de ovinos e Sócio-Diretor da Pontovinos Comércio de Produtos Agropecuários.

Maior realização: a criação da Câmara Setorial Especial de Caprinos e Ovinos do Estado de São Paulo, que tinha como uma das metas para minha administração enquanto Presidente da ASPACO.

O que espera realizar: desenvolver vários núcleos regionais de criadores de ovinos vinculados à ASPACO, com objetivos de fortalecimento e cooperação mútua, organização de sistemas de produção e comercialização, para alcançarmos padronização, qualidade e regularidade em nossa produção.

Livro que recomenda: "Perdendo minha virgindade", Editora de Cultura - A autobiografia de Richard Branson.

Empresa que admira: Tortuga Cia Zootécnica Agrária, por qualidade, idoneidade e principalmente por serem excelentes parceiros.

Personalidade que admira: do nosso setor, admiro o Presidente da Associação Brasileira de Criadores de Ovinos - ARCO, Paulo Afonso Schwab, que administra com competência esta entidade de difícil comando, sempre com muita disposição e sabedoria.

Dica de sucesso: "Começar pequeno, pensar grande e andar ligeiro".

Frase ou ditado preferido: Não saia de casa sem rezar!

Personalidade de destaque no setor: Professor Edson Ramos de Siqueira, Professor Titular e Diretor da FMVZ da UNESP de Botucatu, um dos maiores responsáveis pelo desenvolvimento das técnicas de produção de ovinos no Estado de São Paulo.

O que está melhorando no setor: o diálogo entre os membros da cadeia produtiva, principalmente entre produtores e frigoríficos, aqui no Estado de São Paulo.

O que falta no setor: adequação de políticas públicas principalmente para a entrada no País de carne importada a preços baixíssimos, talvez por subsídios recebidos pelos produtores nestes países.

Quem gostaria de ver nessa seção: Ênio Queijada de Souza, responsável pela Coordenação e Agronegócios de Ovinos e Caprinos do Sebrae Nacional.

Visão de futuro: o Brasil como grande exportador de carne ovina, não só em quantidade mas em qualidade, atendendo os mais exigentes paladares do mundo e consequentemente trazendo remuneração ao produtor brasileiro.

O que você espera do FarmPoint: espero que mantenham esta equipe competente que além de buscar as informações em todos os elos do setor, traz sempre um parecer justo, racional mas confiante do setor. Parabéns pelo excelente trabalho.

Avalie esse conteúdo: (4 estrelas)

Comentários

Roberis Ribeiro da Silva

Salvador - Bahia - Consultoria/extensão rural
postado em 27/12/2006

Arnaldo, parabéns pelo suceso a frente da ASPACO.

O IBRACO no próximo ano (2007) irá participar e/ou promover reuniões junto as câmaras setorias de caprino e ovino para discutir estratégias para evitar "dumping" e outras situações possíveis, provocadas pela entrada de carne importada de ovino no Brasil. E em paralelo um plano de marketing junto aos governos e as agroindústrias para incentivar o consumo de carne caprina e ovina inspecionada no Brasil.

João Ricardo Alves Pereira

Ponta Grossa - Paraná - Pesquisa/ensino
postado em 31/12/2006

Caro Arnaldo (Dindo).
Aproveito a oportunidade para parabenizá-lo pelo trabalho que vem fazendo junto a ovinocultura de São Paulo, de maneira séria e profissional, mostrando que na atividade a diferença se faz com atitutes.
Sucesso!!!

francisco manoel fernandes

São Manuel - São Paulo - Produção de ovinos
postado em 03/01/2007

O Estado de São Paulo esta se destacando na Ovinocultura pela integridade e competência nas ações desenvolvidas na atividade.

A ASPACO é o elo de ligação entre todas as instituições de pesquisa/ensino e o produtor rural. Arnaldo está conduzindo esta dificil tarefa com muita competência.

Como pioneiro, ex-presidente da ASPACO, criador e técnico da ARCO, me concidero um privilegiado em acompanhar de perto seu trabalho.

Parabéns meu amigo.

Alfredo Ferrari Souza

Ourinhos - São Paulo - Empresário
postado em 04/01/2007

Dindo é um executivo de muita competência. Principal responsável pela criação das câmara setorial de ovinos, tem trabalhado muito para o desenvolvimento da ovinocultura no Estado de São Paulo.
Parabéns e contamos com você para os próximos anos
Abraço!!!!

Marcelo Barsante Santos

Uberaba - Minas Gerais - Consultoria/extensão rural
postado em 28/01/2007

Prezado Arnaldo (Dindo),

Mesmo sendo de outro estado, admiro seu trabalho que é com grande competência e entusiasmo que vc e toda a equipe da ASPACO comandam e promovem importantes eventos de ovinos no estado de SP.

Prova disso é a Feinco e a útima nacional do Santa Inês em Bauru 2006. Outros feitos que ficarão marcados em sua administração são os Núcleos Regionais da ASPACO.

Um forte abraço, Marcelo Barsante - Neo Ovinos e Revista O Berro. Uberba MG

Diogo Vriesman - Grupo MelkStad

Carambeí - Paraná - Produção de leite
postado em 11/04/2007

Prezado Arnaldo,
Parabéns pelo seu trabalho, é com pessoas assim como o senhor que o setor de ovinocultura cresce cada vez mais em nosso país!
Abraços!

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade