Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Comunidade > Fique Atento

MG: 11ª Cabra Fest - A Festa da Cabra Leiteira

postado em 27/06/2013

Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

A caprinocultura leiteira da região sudeste do Brasil consolidou-se ao longo de décadas como a mais tradicional e organizada do país. Apesar do número reduzido de animais, quando comparada coma a região nordeste, o sudeste, até recentemente, respondia pela maior produção de leite de cabra do país. Esta condição deveu-se, em parte, ao elevado potencial de produção de animais de raças especializadas como a Alpina, a Saanen e a Toggenburg, associado a sistemas de produção intensivos nos quais predominavam, e até hoje predominam, o confinamento total. Na última década, o sudeste foi ultrapassado pelo nordeste em produção de leite, fato impulsionado pelo incentivo governamental de estados como Paraíba e Rio Grande do Norte e à incorporação de animais das raças vindos predominantemente da região Sudeste.

A história da caprinocultura leiteira sempre teve fatos marcantes na região Sudeste. Em 1974, com 37 associados, foi fundada a Associação Brasileira de Criadores de Caprinos, a primeira entidade de caprinocultores do Brasil, atualmente denominada CAPRILEITE. Criadores como José Viana de Assis, Joaquim Machado, José Henrique Bruschi, Jarbas da Costa Vidal, José Osvaldo Souza Tavares, José Maria Moreira Santos entre tantos renomados e dedicados caprinocultores serviram e servem de referência para novos empreendedores de todo país e associações de criadores. Um exemplo disto é a Associação de Criadores de Cabras Leiteiras da Zona da Mata de Minas Gerais (CAPRIMA). Fundada em 1992, ela é um exemplo de empenho e de dedicação abnegada de produtores unidos pelo desenvolvimento e consolidação da atividade. Com sede em Coronel Pacheco – MG, a associação tem rebanhos com produções médias de três a quatro litros de leite por animal/dia e 50 a 400 litros de leite por dia por rebanho.

O cenário histórico regional e as características locais estimularam a criação, em 2002, do Núcleo Regional Sudeste da Embrapa Caprinos e Ovinos com sede no campo Experimental José Henrique Bruschi da Embrapa Gado de Leite. Em 2003, a CAPRIMA, a Embrapa Gado de Leite e o Núcleo Regional Sudeste da Embrapa Caprinos e Ovinos reuniram-se para elaborar a primeira edição da Cabra Fest, a festa da cabra leiteira. O sugestivo nome, dado pelo caprinocultor Caetano Geraldo de Souza, e prontamente aceito pela equipe, primava por promover e divulgar a caprinocultura com a exposição de animais e concurso leiteiro, de produtos caprinos com o festival gastronômico, e a atualização técnica de produtores e interessados com palestras sobre produção de caprinos, o Workshop Produção de Caprinos na Região da Mata Atlântica.

As primeiras edições (2003 e 2004) da Cabra Fest ocorreram na Sede Social dos Empregados da Embrapa Gado de Leite (AEE – GL) em Coronel Pacheco - MG. A partir da terceira edição em 2005, o evento tomou maior vulto com a participação da Prefeitura Municipal de Coronel Pacheco, sendo então realizado na praça central da cidade. Em 2008, a AEE-GL profissionalizou o Festival Gastronômico, despertando elevado interesse e gerando consumidores da singular carne caprina. O evento ao longo dos anos fez com que atributos da caprinocultura, gastronomia e conhecimento entrelaçassem-se em um ambiente de muita hospitalidade e festa. A cada ano, a CABRA FEST ganha mais brilho e projeção nacional, cumprindo de maneira mais aperfeiçoada os seus objetivos originais. Na 11a edição, a Cabra Fest é hoje o mais completo, consolidado e ininterrupto evento sobre produção de caprinos do Brasil.

Aguardamos sua presença em Coronel Pacheco/MG entre os dias 04 e 07 de julho de 2013! Saiba mais clicando aqui
 

Entre em contato com o autor deste artigo através do formulário abaixo!

deve ter o formato de 10 a 11 dígitos (ddd + telefone ou 0800, 0300, etc.)
Por favor digite o código de verificação contido na caixa ao lado:

3000 caracteres restantes

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade