Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Curso Online sobre ILP já começou, participe!

postado em 06/05/2014

2 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Os sistemas mistos de exploração chamados de Integração Lavoura-Pecuária (ILP) têm atraído a atenção dos profissionais do agronegócio pelas vantagens que apresentam em relação aos sistemas isolados de agricultura ou de pecuária. Como um dos maiores problemas enfrentados na pecuária nacional é a degradação das pastagens, este sistema de produção é considerado uma alternativa viável para diminuir os custos com a recuperação ou formação de pastagens degradadas, e consequentemente aumentar a produtividade da pecuária.

De acordo com Bruno Carneiro e Pedreira em artigo escrito para o MilkPoint (clique aqui para ler o artigo na íntegra), o Brasil - que possui alta representatividade na pecuária mundial - ainda identifica a manutenção de pastagens produtivas como um gargalo na bovinocultura. O ato de reformar pastagens é uma rotina de alto custo para pecuaristas, pois substituir capim com capim a conta fica toda para a pecuária. Por outro lado, na integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF), quando a agricultura entra no sistema, a correção e a adubação melhoram aspectos químicos de solo que serão aproveitados pela forrageira. Assim, esse custo de adubação e plantio do capim entra na conta da agricultura, que tem os grãos como receita, deixando um pasto estabelecido após a safra. Esse fato, além de reduzir custos, permite uma melhoria na transição água-seca, reduzindo o déficit de forragem na propriedade.

A ILP proporciona inúmeros benefícios, como manter a terra ocupada, permitir a diversificação da produção, reduzir riscos de erosão devido ao plantio direto e manutenção da cobertura do solo e ser uma alternativa para reforma de pastagens. Mas, para se extrair todos esses benefícios, é preciso que se conheçam as formas de realização dessa integração e que se alinhe a prática da ILP com os interesses produtivos da propriedade.

No curso online Integração Lavora-Pecuária, você conhecerá as vantagens e os tipos de ILP existentes e aprenderá analisar os desafios e as opções para o agricultor e para o pecuarista na implantação do sistema. Os instrutores do treinamento são os engenheiros agrônomos Rodrigo Paniago, especialista em Produção de Ruminantes e sócio da Boviplan Consultoria Agropecuária; e Rodrigo Estevam Munhoz de Almeida, com experiência em Plantio Direto, Integração lavoura pecuária, Fertilidade e manejo do Solo, Adubação e nutrição de plantas.

O curso tem início no dia 22/05. Para fazer sua inscrição e conhecer mais detalhes sobre o conteúdo, clique aqui!

Entre em contato com o autor deste artigo através do formulário abaixo!

deve ter o formato de 10 a 11 dígitos (ddd + telefone ou 0800, 0300, etc.)
Por favor digite o código de verificação contido na caixa ao lado:

3000 caracteres restantes

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

rogerio cabreira ferreira

Além Paraíba - Minas Gerais - Produção de ovinos de corte
postado em 12/05/2014

Estou iniciando uma criação de ovinos com reprodutores white e black (dorper), na verdade sou de Pirapetinga-MG e gostaria de estar recebenco algo sobre como me integrar na NUCCORTE.
Obrigado e parabéns.

jaco oliveira morais

Milagres - Ceará - REVENDA VETERINÁRIA
postado em 14/05/2014

além de trabalhar com revenda de produtos veterinário,crio ovinos (dorper) gostaria de ter mais conhecimento sobre manejo sanitario dessa maravilhosa raçã

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade