Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Cadeia Produtiva > Entrevistas

Presidente da Câmara Setorial de Ovinos e Caprinos fala sobre os objetivos da entidade e sobre o mercado da ovinocaprinocultura

postado em 10/09/2010

1 comentário
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Edilson Maia, presidente da Câmara Setorial de Ovinos e Caprinos e integrante do Grupo de Estudos sobre Competitividade e Sustentabilidade do Agronegócio, apresentou junto com Marlon Brisola, pesquisador da UnB, o Estudo Complexo do Agronegócio de Caprinos e Ovinos, um trabalho de estruturação e governança da cadeia produtiva da ovinocaprinocultura no 1º Encontro de Lideranças da Ovinocaprinocultura durante a 4ª Expo N.O.B.R.E no último dia 13 de agosto. O Estudo visa realizar encontros de lideranças para desenvolver oficinas de alinhamento estratégico sobre o complexo da ovinocaprinocultura.

Juntos, grupos de líderes, em pontos estratégicos do país, discutem a cadeia, resultando num apanhado de informações. O grupo responsável pelo Estudo já esteve em alguns Estados do Nordeste, alguns do Centro-Oeste, Estado do Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo e finalizarão a pesquisa indo para outros Estados da Região Sul e para o Estado do Amazonas - Região Norte. Com esse mapeamento, o grupo pretende detectar os problemas regionais e nacionais da ovinocaprinocultura, o que as pessoas pensam e o que está sendo feito. No final deste ano, todos os dados serão consolidados e a ideia é divulgar e publicar um relatório com todas essas informações.

Raquel Maria Cury Rodrigues, analista de mercado do FarmPoint, entrevistou Edilson, que falou sobre os objetivos do estudo e da Câmara Setorial de Ovinos e Caprinos e sobre mercado.


Destaques da entrevista

"A Câmara Setorial tem o objetivo de gerar demandas, pensamentos e propostas que toda a cadeia nacional precisa para se desenvolver. Dentro dessas demandas são geradas os programas, os trabalhos, como por exemplo este que está havendo aqui hoje. Dentro das prioridades, nós temos esta daqui que é um Estudo Complexo, porque o Brasil é muito grande e cada região tem as suas particularidades. Tendo esse conhecimento foi que nasceu a iniciativa de fazer um estudo em todo o Brasil, do perfil nacional da cadeia. Nós vamos fazer sete reuniões em todo o país, sete encontros de liderança".

"Esses encontros têm o objetivo de mostrar como se comporta, quais as carências, dificuldades e gargalos de cada região para que a partir daí, possamos tomar as medidas e fazer as reivindicações, gerar demandas para que esse segmento tome um novo rumo, para que o produtor nacional comece a desfrutar melhor dos resultados. A cadeia é jovem mas precisa desenvolver mas tem os entraves de conectividade, políticas públicas, de capacitação, então, nós estamos levantando as coordenadas desse processo para que logo em seguida seja levado ao conhecimento da população brasileira, dos criadores o resultado do Estudo para que sejam tomadas as medidas necessárias".

"A Câmara Setorial tem que mostrar porque existe, para isso, os políticos nacionais precisam ter conhecimento da cadeia. Nós fizemos duas audiências pública na Câmara dos Deputados e do Senado, e hoje eles têm noção do que é e a importância que têm os ovinos e caprinos para o Brasil".

"Enquanto o mercado brasileiro precisou, o Uruguai chegou, ele está saindo, mas o Brasil está chegando. Nos últimos dez anos a atividade cresceu muito no Brasil e os preços estão muito atrativos, fato que despertará os produtores para essa oportunidade. Nós tivemos uma redução no número de produtores mas tivemos um aumento de rebanho, isso vai gerar profissionalização e visão do negócio como empresa, buscando redução dos custos e políticas públicas. Eu acho que esse caminho é positivo para o momento".



Equipe FarmPoint

Avalie esse conteúdo: (4 estrelas)

Comentários

jose pereira guimaraes

Belo Horizonte - Minas Gerais - Produção de ovinos
postado em 10/09/2010

E Minas Gerais? Nao será contemplada com a pesquisa e ações? Sugiro não nos esquecer! Muito sucesso e parabéns!

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade