Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Você está em: Cadeia Produtiva > Especiais

Falta de informação do produtor é o principal motivo para a não aderência ao Programa ABC

postado em 24/04/2012

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Em março de 2012 os Portais da Agripoint lançaram uma enquete aos seus leitores: "Você já aderiu ao Programa Agricultura de Baixo Carbono?".

O intuito da enquete era entender quais são os interesses e as dificuldades que produtores de todo país tem em relação ao Programa ABC - Agricultura de Baixo Carbono. O Programa ABC foi criado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e apresenta como ideia principal que a produção agrícola e pecuária garanta mais renda ao produtor, mais alimentos para a população e aumente a proteção ao meio ambiente. Para isso o produtor pode utilizar recursos para investimentos que estão contemplados no Plano Agrícola e Pecuário 2011/2012. Os produtores rurais e cooperativas poderão contar com limite de financiamento de R$ 1 milhão e taxas de juros de 5,5% ao ano e o prazo para pagamento é de 5 a 15 anos.

Os resultados obtidos baseiam-se nas respostas das participações em cada site CaféPoint (25,23%), FarmPoint (19,63%) e MilkPoint (55,14%), tendo a colaboração de mais de 100 pessoas de diversos estados brasileiros.

Os produtores apontaram maior preferência pela iniciativa de Integração lavoura-pecuária-floresta (21%), seguida da Recuperação de áreas degradadas e Tratamento de resíduos animais (19%).



A falta de informação é o motivo principal pela não aderência ao Programa ABC até o momento, com 54% das respostas, ou seja, o produtor desconhece o programa e quais são os passos para obter o financiamento. Em segundo lugar vem a falta de profissional habilitado para auxílio na elaboração dos projetos (21%). Outros motivos como a não garantia do retorno do projeto, falta de recursos financeiros e falta de iniciativa do próprio produtor foram apontados como obstáculos na montagem do projeto.



Das 107 participações, apenas 8 produtores (7,5%) disseram ter montado o projeto, mas nenhum deles conseguiu o financiamento por motivos diversos, como problemas com prazos, restrições cadastrais e dificuldades de obter informações pelo próprio banco.

Dentre os leitores participantes da enquete, os mineiros tiveram maior participação (24%), seguido dos paulistas (16%) e dos goianos e paranaenses (11%).

Participação dos Estados
<


Dos produtores participantes do FarmPoint, 72% são produtores de carne de cordeiro, 13% são produtores de carne de cabrito, 10% de leite de cabra e 5% de lã. A metade (50%) dos participantes citaram que a iniciativa de maior interesse é a integração lavoura-pecuária-floresta, seguida do tratamento de resíduos (23%) e da recuperação de áreas degradadas (14%).

Quer saber mais sobre o programa, acesse o site do MAPA: "http://www.agricultura.gov.br/abc/".

Equipe AgriPoint

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade