Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Ajude o leitor: você já usou sal proteinado na dieta do seu rebanho?

postado em 22/11/2012

12 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

O produtor de ovinos do Rio Grande do Norte, Ivaneto Barbosa Dantas, enviou um comentário para o FarmPoint:

"Sou pequeno criador de ovinos do Rio Grande do Norte, região da seca, e li alguns comentários sobre a utilização do sal proteinado. Estou iniciando a incrementação desse produto no meu rebanho e desejo saber que percentual eu posso adicionar de ureia. Além disso: a partir de que idade os cordeiros já devem usar esse produto?"

Tem experiência com o sal proteinado? Participe deixando o seu comentário!

Equipe FarmPoint

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

francisco andre nerbass

Lages - Santa Catarina - Produção de ovinos
postado em 23/11/2012

utilizo sal proteinado em meu rebanho inverno e verão a mais de oito anos, mas TOP LIFE OVINOS DA MATSUDA, a vontade no saleiro, já vem pronto.

adauto silva gouveia filho

Matrinchã - Goiás - Produção de ovinos
postado em 23/11/2012

Eu uso ovinofós da tortuga, sempre deu certo

José Braga

Juazeiro - Bahia - Revenda de produtos agropecuários
postado em 23/11/2012

nós que moramos no sertão nordestino sal proteinado tem que ser de seca a verde

Vinicius Ribeiro da Silva

Vila Velha - Espírito Santo - Consultoria/extensão rural
postado em 23/11/2012

Qual incremento no ganho de peso por animal utilizando Sal proteinado?

Zualdo Gradela Junior

Catanduva - São Paulo - Revenda de produtos agropecuários
postado em 23/11/2012

Ivaneto
entre em contato aí no RN com o Sal Leão, eles já têm pronto o sal proteínado para seu rebanho. Qualquer coisa digue que foi Zualdo Gradela Jr quem os indicou.
Os animais para receber sal com uréia devem já estar ruminando (depois da desmama) e cuidado com água no cocho de sal que pode causar intoxicação quando fica água empoçada.

Marco Antonio Athayde de Britto Cunha

Salvador - Bahia - Ovinos/Caprinos
postado em 23/11/2012

Estou no Polígono da Seca, na região da Bahia. Uso sal proteinado Top Line Caprino da Matsuda de sol  a sol.

JÚLIO SETTI

Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Consultoria/extensão rural
postado em 24/11/2012

Amiréia Pajoara 200 S (uréia de degradação lenta no rúmen). Deve ser direcionada, preferivelmente para animais adultos, com grande capacidade de fermentação ruminal, como ovelhas e animais em fase final de crescimento. Não deve ser utilizado para cordeiros desmamados precocemente até 90 dias.Pode compor rações a base de cereais, como milho, trigo ou cevada, ou ainda polpa cítrica, na proporção de 1% e no máximo 2%. Pode, ainda, ser utilizada para aumentar o teor proteico de volumosos úmidos, como silagem de milho ou sorgo, cana-de-açúcar, na quantidade de 1%.
Também pode ser utilizada com fenos de qualidade inferior, palhas em geral e pastagens pobres a fim de melhorar seu aproveitamento pelos animais. Pode-se, neste caso, preparar mistura de 2 partes de sal mineral ovinos e uma de Amiréia 200 S e deixar disponível em saleiros. Animais adultos, quando já adaptados podem consumir até 0,5 g/kg de peso vivo/dia. Consumo excessivo (10g de uma só vez), por animais não adaptados, pode levar a intoxicação por amônia. Os sintomas de intoxicação por consumo excessivo de ureia são salivação excessiva, incoordenação motora e levando a óbito.

ARNALDO VALENTIM

Lima Duarte - Minas Gerais - Indústria de laticínios
postado em 26/11/2012

Tenho tido excelente resultado com o uso do sal minera proteínado na estação da seca independente da idade dos animais.A recomendação é que esse tipo de sal já venha pronto para consumo de ovinos,diretamente do fabricante.Tenho usado como fornecedor a SAL MINAS,tel nº032-99774171 Leise.

Tiago Schultz

Mafra - Santa Catarina - Produção de ovinos de corte
postado em 26/11/2012

Uso Mineral proteinado da tortuda na entrada do inverno e no verao uso ovinofos tambvem da tortuga. Ja usei ureia 1 vez e matei varios animais, os animais mais fortes, grandes, comem mais. Tem q tomar muito cuidado com isso. Usei ureia 1 vez e nunca mais!

Joel Stocker

Pelotas - Rio Grande do Sul - Produção de ovinos de corte
postado em 26/11/2012

Boas dicas do Júlio Setti, utilize produtos proteinados, que contenham uréia para alimentação animal para uma melhor degradação ruminal, a utilização deste produto aliado a pastos secos, fenos ou silagens de baixa qualidade tenderá, ao menos, manter seu rebanho,sem que perca peso.  No entanto, somente do uso desses produtos não garante a manutenção em épocas de seca, a quantidade de proteicos usado deve INCREMENTAR A DIETA PRINCIPAL, se esta for deficitária, garantindo um nível aceitável de qualidade dentre o total de Matéria Seca ingerida. Ou seja o sal-proteinado deve ser usado como complemento de dieta. Até mesmo simples receitas como sal de cozinha ou sal mineral e farelo de soja, trazem benefícios desde que manejados corretamente levando em conta o ingrediente principal da dieta.

JÚLIO SETTI

Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Consultoria/extensão rural
postado em 26/11/2012

A Amiréia Pajoara é uma uréia extrusada com amido de milho e enxofre e de lenta degradação ruminal (até doze horas no rúmen). Portanto trata-se de uma uréia onde o risco de intoxicação por amônia ruminal é extremamente baixo. Por fornecer energia compatível (na mesma velocidade) em que a uréia é transformada em amônia e por fornecer enxofre a transformação da amônia em proteína microbiana pela flora microbiana ruminal é muito superior a da uréia que não fornece energia e nem minerais. Uréia portanto já é coisa do passado. A Amiréia substitui 100% da uréia pecuária em rações e pode também substituir totalmente farelados proteicos (farelo de soja) com vantagens econômicas. Lembrando que para ter sucesso com suplementação com NNP de liberação lenta (Amiréia) deve-se ter uma boa oferta de volumoso mesmo que de baixa qualidade.

Vinicius Ribeiro da Silva

Vila Velha - Espírito Santo - Consultoria/extensão rural
postado em 18/12/2012

Torta de neem e ou Olho em pó, alguem tem experiencia na ultilização desses produtos para controle da verminose em ovinos e caprinos?

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2021 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade