Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Árabes importam 17,4% mais produtos do Brasil

postado em 16/04/2007

1 comentário
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Segundo Alexandre Rocha, da Agência de Notícia Brasil-Árabe (Anba), as exportações do agronegócio brasileiro aos países árabes renderam US$ 971,8 milhões no primeiro trimestre, crescendo 34,5% em comparação com o mesmo período do ano passado. Em volume, foram embarcadas 1,65 milhão de toneladas de produtos, 17,4% mais que em relação aos primeiros três meses de 2006.

Os principais produtos embarcados para a região foram açúcar, carnes, complexo de soja e produtos florestais. "Apesar do dólar ter se desvalorizado ainda mais frente ao real durante o primeiro trimestre, nós percebemos, pelo aumento da receita e do volume embarcado, que o mundo árabe está consolidado como um dos principais mercados do agronegócio brasileiro", avaliou o presidente da Câmara de Comércio Árabe Brasileira, Antonio Sarkis Jr.

Os principais destinos no período foram Arábia Saudita, Egito, Emirados Árabes Unidos, Marrocos, Líbano, Síria, Argélia, Kuwait, Iraque, Iêmen. No mês de março somente as vendas do agronegócio renderam US$ 356,3 milhões, um aumento de 27,8% em comparação com o mesmo mês do ano passado.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

victor luiz mamede marchiori

Ituiutaba - Minas Gerais - Estudante
postado em 16/04/2007

E dificil ler esses artigos e não ficar indignado, já que só a receita do produtor rural que não aumenta. Crescem as exportações, cresce o rebanho nacional, aumenta a renda liquida das empresas exportadoras, e o produtor rural a cada mês que passa sua renda líquida cai, quando ainda tem alguma renda.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade