Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Argentina: impasse entre produtores e Governo

postado em 19/03/2009

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Agricultores argentinos declaram que estão decididos a pressionar o Congresso nesta semana. Pretendem sensibilizar os parlamentares em relação aos efeitos das sobretaxas sobre as exportações de produtos agrícolas. Eles pleiteiam a redução de impostos sobre as exportações de soja. A decisão de recorrer ao legislativo ocorre após obterem poucos avanços nas tentativas de romper um impasse com o governo de Christina Kirschiner que tem abalado os mercados de grãos.

Os líderes dos quatro maiores grupos agrícolas da Argentina disseram que o governo ainda se recusa e reduzir os impostos de exportação sobre a soja, principal produto agrícola do país. O governo alega que esse tributo é uma fonte de receita num momento de desaceleração econômica global.

Os agricultores decidiram então se voltar ao Congresso, marcando manifestações para a quinta-feira em frente à sede do Legislativo, para fazer um apelo aos parlamentares para que discutam um projeto de lei, de autoria de um legislador da oposição, que reduz a incidência de impostos sobre a soja, o milho e o trigo.

"Veremos se os parlamentares querem representar a população de suas províncias ou se apenas seguirão suas linhas partidárias", disse Eduardo Buzzi, presidente da Federação Agrária Argentina. O país é um dos maiores fornecedores mundiais de soja, milho, trigo e carnes. Mas uma seca intensificou pedidos dos agricultores para que o governo reduza impostos.

As informações são da Gazeta Mercantil, resumidas e adaptadas pela Equipe AgriPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2022 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade