Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

AUS: peso médio da carcaça de cordeiros cresce

postado em 14/06/2010

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

A produção de carne de cordeiro da Austrália deverá aumentar 2% em 2010, mas isso será obtido com mais quilos de carne oriundos de menos cordeiros. A analista do setor de carne ovina do Meat and Livestock Australia (MLA), Kara Tighe, ainda está prevendo níveis recordes de produção apesar das taxas de abate do país no primeiro trimestre do ano ter caído 13% com relação ao mesmo período do ano anterior.

Tighe disse que condições climáticas mais favoráveis em grande parte do país e maior atividade de terminação de cordeiros significam que os produtores estão esperando seus cordeiros ficarem mais pesados para mandá-los ao abate. O peso médio da carcaça aumentou 0,5 quilos, para 21,5 quilos.

"Estamos vendo os produtores retendo cordeiras e até mesmo animais mais velhos do rebanho de ovelhas de cria, o que será benéfico para a oferta em longo prazo. Veremos o benefício no próximo ano, com mais cordeiros ofertados. Podemos até começar a ver isso já na primavera", disse Tighe.

A reportagem é do FarmOnline.com.au, traduzida e adaptada pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (5 estrelas)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade