Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Austrália: número de cordeiros caiu 7% em 2010-11

postado em 13/07/2011

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Em junho, os estados orientais da Austrália abateram 2% menos cordeiros que no mesmo mês de 2010, enquanto os abates durante o ano financeiro de 2010-11 caíram 7% com relação ao ano anterior, de acordo com dados do Meat and Livestock Australia (MLA).

A recente queda nos preços tem levado a uma redução no número de cordeiros apresentados no mercado físico e direto para abate. Os leilões australianos de cordeiros declinaram 23% comparado com maio e 6% comparado com junho do ano anterior. Isso ocorreu em contraste com a tendência de junho de 2010, quando os abates totais aumentaram, à medida que os preços aumentaram. Além disso, outra coisa que influenciou foi a falta de demanda pelos processadores.

Em 2010-11, houve uma grande queda nos números comparado com o ano fiscal de 2009-10, de acordo com dados do MLA. Isso também foi refletido por menores números de abates com relação ao ano anterior por mês, exceto em dois meses de 2010-11. Com a maioria dos meses também indicando melhores preços durante 2010-11, a produção de carne de cordeiro deverá se manter favorável, à medida que os produtores buscam expandir os negócios com essa carne.

Comparado com a média dos últimos cinco meses de junho e com junho de 2010, os abates de cordeiros caíram 4%. Os números de cordeiros abatidos em Victoria caíram 6% com relação ao ano anterior e 12% com relação à média dos últimos cinco anos. Os números de Queensland caíram em quase um terço com relação ao ano anterior e caíram mais da metade comparado com a média dos últimos cinco anos. Os números em South Austrália permaneceram firmes com relação ao ano anterior e foram maiores que a média dos últimos cinco anos, enquanto em New South Wales, os abates aumentaram 3% com relação a junho de 2010, mas foram menores que a média dos últimos cinco anos.

Os abates de ovinos adultos na Austrália caíram 4% com relação ao ano anterior, refletindo uma tendência de queda nos mercados físicos em junho. Isso ocorreu, porque os produtores mantiveram os animais para cria ou para aproveitar os recentes aumentos nos preços dos cordeiros e da lã. Além disso, o maior processador de New South Wales não estava operando. Os abates de ovinos adultos nessa província australiana caíram para menos da metade comparado com junho do ano anterior, enquanto Victoria registrou uma queda de 9%. South Austrália teve uma queda de 14%, enquanto em Queensland os abates quase dobraram com relação a uma base comparativamente baixa.

A reportagem é do Meat and Livestock Australia(MLA), traduzida e adaptada pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2021 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade