Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Baixas exportações de lã da Nova Zelândia são compensadas pela produção de carne

postado em 17/01/2012

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Os preços de exportação de lã da Nova Zelândia alcançaram seu maior nível em 21 anos no ano passado, juntamente com um forte decréscimo no número de ovinos no país; com os preços de exportação da carne ovina também alcançando recordes.

Apesar de as exportações de lã agora representarem apenas 2%, as exportações de carne ovina estão obtendo quase NZ$ 3 bilhões (US$ 2,38 bilhões) por ano para o país, de acordo com o último relatório sobre índice de preços do Statistics New Zealand.

Em 1982, o número de ovinos no país atingiu o pico de 70 milhões, mas com o fim dos subsídios em 1984 e o aumento das fibras sintéticas apressando um declínio na importância da lã, a contribuição da lã para o valor das exportações caiu para apenas 1,6%. Quando os preços da lã atingiram seu pico em 1989, o valor total das exportações de lã da Nova Zelândia foi de NZ$ 1,8 bilhão (US$ 1,42), comparado com 2011, quando esse total caiu 60%, para NZ$ 720 milhões (US$ 571,79 milhões).

Em contraste, as exportações de carne de cordeiro e carneiro aumentaram 189% durante o mesmo período, de NZ$ 1 bilhão (US$ 794.160 milhões) em 1989 para NZ$ 2,9 bilhões (US$ 2,30 bilhões) em 2011.

Os avanços na forma como as fazendas estão operando atualmente compensam a perda no número de ovinos do país, com menos ovelhas agora necessárias para produzir a mesma quantidade de carne no ano.

Adicionalmente, os cordeiros também se tornaram mais pesados, com o peso médio ao abate ficando em 12,7 quilos no ano até setembro de 1989, comparado com um peso médio de 18,4 quilos em 2011, um aumento de 44%.

Em 16/01/12 - 1 Dólar Neozelandês = US$ 0,79416
1,25761 Dólar Neozelandês = US$ 1 (Fonte: Oanda.com)

A reportagem é do www.nbr.co.nz, traduzida e adaptada pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2021 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade