Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Companhia Patagônia Inc. pretende restaurar pastagens e comprar lã sustentável

postado em 05/02/2013

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

A companhia Patagônia Inc. pretende restaurar cerca de 6 milhões de hectares de pastagens na região patagônica e trazer uma nova linha de lã Merino sustentável aos consumidores através de uma parceria com o The Nature Conservancy e com a rede de produtores da Argentina, Ovis XXI.

Os grupos disseram que a meta é reverter o excesso de pastoreio implementando um protocolo sustentável de pastoreio de ovinos e atraindo mais parceiros e compradores. Pela parceria, o The Nature Conservancy fornecerá experiência científica e monitoramento aos produtores. A Patagônia Inc. disse que seu acordo de compra – a companhia é a primeira a assinar e comprar lã – encoraja os produtores a criar e colocar para pastar seus ovinos de uma forma que suporte a saúde da região em longo prazo.

A linha de produtos sustentáveis de lã da companhia estará disponível no outono. A partir de agora, cada peça única merino da Patagônia Inc., incluindo as meias merino, serão feitas com lã sustentavelmente obtidas de pastagens da Patagônia em fazendas usando o Padrão de Regeneração e Sustentabilidade de Pastagens (GRASS), que inclui metas de conservação e protocolos de controle de terras concordados pelo The Nature Conservancy e Ovis XXI.

O novo protocolo imita os padrões naturais de pastagens para vidas silvestres. Ao invés de colocar os ovinos para pastar em um lugar continuamente, os ovinos serão movidos para diferentes pastagens dependendo das condições dos pastos, encorajando mais diversidade de espécies nativas de pastos e maior cobertura do solo.

A porção argentina da Patagônia tem cerca de 160 milhões de hectares e a produção ovina é a principal atividade econômica. É também a área de maior ameaça ambiental, devido ao excesso de pastagens e subsequente erosão do solo e desertificação. A pastagem feita de forma não sustentável transformou 8 milhões de hectares em terras semelhantes ao deserto, de acordo com o The Nature Conservancy.

A reportagem é do http://www.environmentalleader.com, traduzida e adaptada pela Equipe FarmPoint.
 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2014 AgriPoint Consultoria Ltda. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade