Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Defesa sanitária: Goiás vai aderir ao Suasa

postado em 10/12/2009

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Goiás se prepara para aderir até fevereiro de 2010 ao Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (Suasa). Com a medida, o controle das atividades de saúde, inspeção, fiscalização e vigilância de animais passa a ser desempenhado por um sistema único e padronizado pelos critérios do governo federal.

O superintendente de Desenvolvimento Institucional da Secretaria de Agricultura, Luiz Becker Karst, destaca que a adesão confere mais segurança à qualidade dos alimentos para o consumidor. Segundo ele, o novo sistema também vai promover o desenvolvimento das pequenas agroindústrias que vão aprimorar seus produtos, além de possibilitar a ampliação de comercialização dos produtos de origem animal nos diversos segmentos da cadeia produtiva goiana.

O diretor de Departamento de Inspeção, ligado ao Ministério da Agricultura, Nelmon Oliveira da Costa, esteve na terça-feira (08) na Seagro para expor os procedimentos da adesão. Ele disse que a grande dificuldade em formular a adesão é a deficiência de estrutura, especialmente a de pessoal capacitado. Mas ele acredita que parte deste problema em Goiás será descartada com a contratação imediata dos aprovados no concurso da Agrodefesa. "As indústrias vão ganhar o mercado nacional e consequentemente aumentar seu potencial de venda. Já o governo garante impostos e emprego.

Nelmon explicou que, com os sistemas vigentes de inspeção municipal e estadual, os produtos não podem ser comercializados onde são produzidos. Já com a adesão aos novos procedimentos, eles poderão ser comercializados em todo o País. "Exportamos produtos animais para mais de 150 países e temos uma experiência de 95 anos em sanidade animal. Tenho certeza de que a adesão ao sistema abrirá mais portas.", finalizou ele.

A reportagem é do Diário da Manhã/GO, adaptada pela Equipe AgriPoint.

Avalie esse conteúdo: (4 estrelas)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2022 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade