Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

ES: governo investe no fomento da ovinocaprinocultura

postado em 07/04/2010

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

A consolidação de três frigoríficos especializados para o abate de ovinos e caprinos no Espírito Santo e na Bahia pode contribuir para ampliar a criação destes animais em terras capixabas. Com as unidades, nos municípios de Viana (ES), Colatina (ES) e Teixeira de Freitas (BA), produtores rurais que já investem e outros que queiram ingressar na atividade terão novas oportunidades no mercado.

Na última segunda-feira (05), representantes do Governo do Estado e dos criadores estiveram reunidos na Secretaria de Estado da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) para discutir algumas alternativas e investimentos para fomentar a criação de ovinos e caprinos no Espírito Santo.

Participaram do evento o secretário de Estado da Agricultura, Enio Bergoli, o subsecretário, Gilmar Dadalto, o coordenador do Programa Estadual de Pecuária, Pedro Cani, o presidente da Associação Capixaba de Criadores de Ovinos, Alcílio José Boechat, o representante da Associação dos Criadores de Caprinos e Ovinos da Microrregião de Senhor do Bonfim (ACCOSB), Hélcio Alves de Souza, e a representante de um dos frigoríficos, Kátia Correia, dentre outros.

Segundo Enio Bergoli, as atividades apresentam potencial e, com o crescimento da demanda no mercado, é possível investir em novos projetos para fomentá-las no Estado.

"Criar ovinos e caprinos representa alternativas para a produção de carne, leite e derivados aos produtores rurais. Temos sim, o interesse de incentivar o desenvolvimento de novas ações direcionadas para o fortalecimento e crescimento do setor. Já temos um grupo de trabalho formado para identificar as oportunidades e as necessidades existentes para seguirmos de modo organizado", avaliou o secretário.

Números no Espírito Santo:

Ovinocultura:

- Número de estabelecimentos agropecuários com ovinos (unidades) - 1.161;
- Número de cabeças de ovinos (cabeças) - 33.558;
- Número de cabeças de ovinos/ovelhas (matrizes/cabeças) - 18.006;
- Número de cabeças de ovinos/carneiros (reprodutores/cabeças) - 4.080;
- Número de cabeças de ovinos/outros carneiros (cabeças) - 11.472.

Caprinocultura:

- Número de estabelecimentos agropecuários com caprinos (unidades) - 720;
- Número de cabeças de caprinos (cabeças) - 10.579;
- Número de cabeças de caprinos/cabras (matrizes/cabeças) - 5.711;
- Número de cabeças de caprinos/bodes (reprodutores/cabeças) - 1.623;
- Número de cabeças de caprinos/outros caprinos (cabeças) - 3.245.

As estratégias de infraestrutura no meio rural, no que diz respeito à agricultura estadual, estão previstas no Novo Plano Estratégico de Desenvolvimento da Agricultura Capixaba (Novo Pedeag) para o período de 2007-2025.

O documento delineia o futuro desejável para a sociedade capixaba, com indicadores e metas setoriais a serem alcançadas nas próximas duas décadas, e nas orientações de Governo 2007/2010. Ele está disponível na íntegra para a consulta no site www.seag.es.gov.br

As informações são do Governo do Espírito Santo, resumidas e adaptadas pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (3 estrelas)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade