Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Eurofarma quer aumentar participação em saúde animal

postado em 04/09/2009

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

A Eurofarma, um dos maiores laboratórios farmacêuticos do país e também uma das líderes na fabricação de medicamentos genéricos, adotou uma estratégia para reforçar sua presença também no mercado de saúde animal. A empresa está em tratativas para ampliar seu leque de marcas de medicamentos para o segmento - por meio de aquisições ou licença de uso com fabricantes - e também prepara o início das operações de uma fábrica de vacinas em Jatuaba (MG).

Nesta semana, a Eurofarma fechou a compra, por valor não revelado, de 11 marcas que pertenciam à paranaense Allvet. A negociação estendeu-se por cinco meses. Com a nova linha, que inclui, entre outros, antiparasitários, fortificantes e vitaminas, a empresa vai atuar também na prevenção de doenças que atacam bovinos. A aquisição foi apenas das marcas - a fabricação continuará a cargo da Allvet, que tem planta em Londrina (PR).

Com a transação, a Eurofarma complementa sua atuação no mercado de saúde animal, até então concentrada na oferta de medicamentos utilizados no combate às doenças, e não em sua prevenção, segundo Taís Ramadan, gerente de novos negócios da Eurofarma. No setor veterinário, a companhia atua por meio da Pearson Saúde Animal, voltada principalmente aos segmentos de bovinos e suínos.

O mercado de sanidade animal movimenta R$ 2,7 bilhões por ano, segundo dados do Painel Geral da Indústria Veterinária (PAIGV) citados pela companhia. A fatia da Eurofarma nesse bolo é somente de 0,92%, mas, apenas com a compra das 11 marcas da Allvet, a empresa pretende passar a 1,74% até o fim de 2010. Com isso, ainda de acordo com dados apresentados pela Eurofarma, a empresa pode subir da 21ª para a 15ª posição no ranking geral das empresas do setor.

A ampliação do portfólio de marcas tem sido feita por meio da Pearson. Em outra frente, a Eurofarma prepara para o próximo ano sua entrada na seara de vacinas contra a febre aftosa, um dos filões mais importantes no mercado de saúde animal. Neste ano, a produção-piloto já será levada a cabo, segundo a companhia.

O projeto, criado há três anos, ocorre sob o guarda-chuva de uma outra unidade, a Inova Biotecnologia Saúde Animal. A Inova nasceu com a união entre a Eurofarma e a Hertape Calier Saúde Animal. O plano prevê início de comercialização das vacinas na primeira metade de 2010.

A matéria é de Patrick Cruz, publicada no Valor Econômico, resumida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2021 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade