Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Irlanda propõe ajudas para o setor ovino

postado em 20/05/2008

1 comentário
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Na última semana de abril, quando os preços dos ovinos caíram dramaticamente, o que tem minado ainda mais a já precária confiança dos pecuaristas, surgiu um informe importante sobre o setor ovino europeu, onde se pede uma ajuda por cabeça ovina. O documento, elaborado pelo deputado irlandês, Liam Aylward, para o Parlamento Europeu, expõe o frágil estado em que se encontra o setor: rendas baixas de produtores, um consumo cada vez mais débil e uma crescente competição do mercado internacional.

O relatório também solicita uma rotulagem da União Européia (UE) e do país de origem, assim como um orçamento para a promoção do cordeiro do bloco europeu. Similarmente, propõe que se estabeleça um Grupo de Trabalho para supervisionar a implementação dessas medidas.

Esse relatório, que tem sido bem aceito pelo setor irlandês, veio em um momento apropriado, com a queda nos preços dos ovinos, que tem sido relacionada à dinâmica do mercado, à retração do mercado francês, à desvalorização da libra esterlina e aos baixos valores da pele.

No entanto, a Associação de Produtores Rurais Irlandeses (IFA) disse que o abate de pouco mais de 30 mil animais por semana está destinado em sua maioria ao mercado nacional. O sindicato tem acusado os cinco principais grupos industriais e as quatro cadeias de supermercados mais importantes de minar o mercado ovino para impulsionar os preços. Espera-se que a IFA centre sua atenção nos supermercados durante os próximos dias com a intenção de conseguir preços admissíveis para o produtor.

A ministra irlandesa de Agricultura, Mary Coughlan, anunciou um aumento de 6 mil a 10 mil euros (US$ 9,28 a US$ 15,47 mil) referente à parte dos subsídios classificados de Reserva Nacional de 2007 destinada à categoria especial de ovinos. Esse aumento deveria garantir a distribuição dos 6 milhões de euros (US$ 9,28 milhões) disponíveis no marco desta medida. No entanto, a IFA está solicitando a entrega do pacote total, com um valor de 34 milhões de euros (US$ 52,62 milhões), anunciado em maio do ano passado, dizendo que não permitirá que o Governo fuja de seus compromissos com o setor ovino.

A reportagem é do site Agroinformación.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

fabio rogerio rizzi

Tapera - Rio Grande do Sul - Produção de leite
postado em 20/05/2008

Que diferença de comportamento politico e econômico. Quase igual ao comportamento dos dirigentes políticos brasileiros.

Um dia chegaremos la!!!!!!!!

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade