Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

MT: ovinocultores querem apoio estadual para crescer

postado em 03/09/2007

2 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Criadores de ovinos, donos de frigoríficos e entidades de Mato Grosso estiveram reunidos com o secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Neldo Egon Weirich, para discutir a implementação da cadeia do ovino no estado.

De acordo com dados da Associação de Criadores de Ovinos, Mato Grosso tem um total de 774 mil cabeças e planeja chegar a cinco milhões em 2010. O município de Nova Mutum é o que tem o maior rebanho, com cerca de 50 mil cabeças.

O setor pediu apoio para que a comercialização do produto seja mais intensificada com, por exemplo, realização de um trabalho forte de mídia nos supermercados. Outro ponto discutido foi a venda para outros estados.

"Temos interesse que a carne ovina seja produzida e vendida em todas as regiões do estado, exportada para outros estados e, por que não, para fora do país", disse o secretário.

As informações são do Só Notícias/MT.

Avalie esse conteúdo: (3 estrelas)

Comentários

Jacques Nogueira Porto

Carlos Chagas - Minas Gerais - Consultoria/extensão rural
postado em 03/09/2007

Parabenizo a iniciativa dos matogrossenses de se mobilizarem para a organização da cadeia produtiva da ovinocultura. Pois somente com a participação de todos os setores envolvidos, inclusive o estado, é que poderão se consolidarem de maneira sustentável.

Euclides Barreto C. Junior

Natal - Rio Grande do Norte - Distribuição de alimentos (carnes, lácteos, café)
postado em 04/09/2007

Acredito muito nessa ação, comtudo não se pode pensar em abastecer somente o próprio estado, custos muitos elevados junto aos frigoríficos atrapalham e muito.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2022 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade