Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Nova Zelândia tem queda nas exportações de cordeiros

postado em 28/08/2007

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Pela primeira vez em 2007, as exportações neozelandesas de carne de cordeiro caíram com relação ao ano anterior, com as vendas em julho caindo 10%, para 25.709 toneladas, de acordo com dados do New Zealand Meat Board publicados pelo Meat and Livestock Australia (MLA). O declínio no mês foi principalmente devido às menores ofertas, juntamente com a demanda mais fraca na União Européia (UE).

Apesar de as exportações de carne de cordeiro da Nova Zelândia à UE cair sazonalmente durante julho, à medida que o produto do Reino Unido se tornou amplamente disponível, o declínio neste ano foi maior do que o normal. As exportações à UE caíram 22% com relação ao ano passado, para 11.203 toneladas, com as vendas para a França caindo 25%, para 1.618 toneladas. Com a reação negativa dos produtores britânicos em relação ao produto neozelandês em junho, não é surpresa que tenha havido uma queda nas exportações neozelandesas ao Reino Unido em julho, com os envios caindo 26%, para 4.242 toneladas.

As exportações neozelandesas de carne de cordeiro aos Estados Unidos caíram 2% durante o mês de julho, para 2.039 toneladas, à medida que as ofertas do produto permaneceram altas e o dólar neozelandês se fortaleceu contra o dólar dos EUA.

Na primeira metade de 2007, as exportações neozelandesas de carne de cordeiro ao Oriente Médio aumentaram, assim como ocorreu com o produto australiano, assistidas pelas maiores ofertas, forte crescimento econômico e mudança na estrutura varejista. As exportações neozelandesas de carne de cordeiro para o Oriente Médio em julho aumentaram 31%, para 1.715 toneladas.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2022 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade