Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

NZ: relatório mostra queda no rebanho ovino em 2009

postado em 17/05/2010

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

O rebanho ovino da Nova Zelândia foi estimado em 32,4 milhões de cabeças em 30 de junho de 2009, 1,7 milhão de cabeças a menos do que em 2008, de acordo com o relatório final sobre estatísticas de produção agrícola do Statistics New Zealand, publicado em 13 de maio. Os números em 2009 foram menores do que a metade do pico de 70,3 milhões de cabeças registrado em 1982 e levou o rebanho nacional a um nível semelhante ao de 1948.

Apesar de o número total de ovinos ter caído, melhores porcentagens de parição de cordeiros e melhor criação resultaram em uma queda de somente 12% nas exportações de carne de cordeiro e carneiro durante o mesmo período. No ano que terminou em 30 de junho de 2009, 397.000 toneladas foram exportadas comparadas com 452.000 toneladas exportadas em 1982. As carnes de cordeiro e carneiro permanecem sendo importantes exportações, com ganhos de NZ$ 3,015 bilhões (US$ 2,16 bilhões) FOB em 2009.

Tanto North Island com South Island tiveram números similares de ovinos em 2009. Os números em ambas as ilhas caíram entre 2008 e 2009. Os fatores que levaram à queda incluem seca, especialmente na costa leste de North Island, e competição com outros usos da terra.

Durante o ano que terminou em 30 de junho de 2009, 28 milhões de cordeiros foram abatidos, 10% a menos que no ano anterior. A queda no número de cordeiros abatidos reflete o menor número de ovelhas e carneiros sendo cruzados em 2007/2008. Os fatores que contribuíram para esse declínio incluem a seca em várias regiões e a competição de usos alternativos da terra. A porcentagem nacional de parição de cordeiros em 2009 foi de 119, a mesma de 2008.

Em 2009, houve 24 milhões de ovelhas e carneiros cruzados, 4% a menos que em 2008 e 4,6 milhões a menos que em 2007, quando foram cruzados 28,6 milhões de animais.

As informações são do site do Statistics New Zealand (www.stats.govt.nz), traduzidas e adaptadas pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade