Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

PE: 44 milhões para investir na caprinovinocultura

postado em 05/12/2008

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Os recursos serão aplicados ao longo dos próximos cinco anos, em 21 municípios pernambucanos e beneficiando 4 mil pequenos produtores rurais. É o "Programa de Desenvolvimento Regional Sustentável da Ovinocaprinocultura no Sertão do Pajeú" que será coordenado pelo Instituto Agronômico de Pernambuco - IPA, órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária de Pernambuco.

Segundo um dos articuladores do programa no IPA, Paulo Nogueira, a meta é contribuir para o desenvolvimento de 20 municípios do Sertão do Pajeú, entre eles Afogados da Ingazeira, Mirandiba e Triunfo, através do incentivo à caprinovinocultura na região. Os principais resultados esperados são de ordem econômica e social; entre eles, agregação de valor aos produtos da área, aumento na renda dos produtores rurais, fixação do homem ao campo e, em consequência, incentivo ao setor no Estado.

Com o início do Programa os produtores rurais receberão benefícios como várias capacitações, abordando não só temas como associativismo e cooperativismo, mas também empreendedorismo, práticas de beneficiamento de produtos e manejos nutricional, sanitário, produtivo e reprodutivo.

Nas áreas de produção e acesso tecnológico serão realizadas, respectivamente, atividades em inseminação artificial e implantação de unidades de referência tecnológica, contando com o apoio de agrônomos, veterinários, zootecnistas e técnicos em agropecuária. A construção de poços, cisternas e barragens, o reflorestamento com espécies nativas da Caatinga e a melhoria das habitações locais também estão previstas. Integram, ainda, os campos de ação, zonas de beneficiamento e comercialização.

As informações são do jornal Nordeste Rural, resumidas e adaptadas pela equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (5 estrelas)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade