Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Pesquisadores produzem primeiro embrião de ovino em Petrolina, PE

postado em 16/09/2014

2 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Após cinco tentativas, foi criado o primeiro embrião de ovino pela Universidade Federal do vale do São Francisco (Univasf). A constatação foi feita pela pesquisadora de mestrado, Thaís Thatiane dos Santos Souza.

A pesquisa já acontece há cerca de dois anos e tem como objetivo o melhoramento genético dos ovinos a partir da inserção de duas vitaminas: vitamina 'E' e cafeína. “Apesar desta técnica já ser feita em todo o mundo, demos um grande passo, pois na nossa região ela é a primeira”, afirmou o professor-orientador da Pesquisa Biotecnologia da Reprodução Animal do Vale do São Francisco (Bravasf), Edilson Soares.



Como a técnica é voltada para o melhoramento genético, o foco da pesquisa é em animais de exposição. “Hoje esta técnica é mais voltada para os grandes produtores porque a gente trabalha com animais de genética superior, que são os animais de elite. Neste caso, trabalhamos para melhorar estes animais com características, por exemplo, de adaptação ao clima”, explicou a mestranda Thaís Thatiane dos Santos.

A técnica de produção de embriões de ovinos é desenvolvida em duas etapas: a maturação 'in vitro' de óvulos e a fecundação 'in vitro' deste óvulos. A pesquisadora foi para Fortaleza, CE, para conhecer a técnica e poder utilizá-la na Univasf. Thaís explica que 24 horas após a coleta de ovário, é feita a fertilização e somente 18 horas depois deste procedimento é observado se houve a fecundação.

Segundo o professor Edilson Soares , uma proposta que está sendo estudada, e deve ser implantada na Univasf, é a utilização da tecnologia na preservação de algumas espécies resgatadas na caatinga, principalmente, nas áreas de transposição do Rio São Francisco. “Muitas vezes os pesquisadores que trabalham com a coleta destes animais aqui na universidade já encontram muitos deles quase mortos e que realmente acabam morrendo”, ressaltou o professor Edilson.

As informações são do G1, adaptadas pela Equipe FarmPoint.
 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Comentários

Anneliese de Souza Traldi

Pirassununga - São Paulo - Pesquisa/Ensino
postado em 22/09/2014

Faltou dar ênfase e ser citado no título da matéria que se trata de um embrião produzido ' in vitro" e por esse motivo sua importância para a região e para o grupo de pesquisa.

Hermano Oliveira Rolim

Sousa - Paraiba - Instituições governamentais
postado em 23/09/2014

Não entendi a relevância da produção do referido embrião. Qual o papel da vitamina E e da cafeína?   Cafeina não é uma vitamina, mas um alcalóide.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade