Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Previsões para o mercado de lã

postado em 30/08/2012

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Os preços da lã vêm caindo nos últimos meses à medida que as condições de baixa demanda pressionaram o mercado para baixo, apesar da baixa oferta. O começo da nova estação de 2012/13 na Austrália e na Nova Zelândia tem desapontado, com um declínio de 2% no Indicador de Mercado Oriental Australiano na primeira semana de vendas (apesar de esse ter caído 5% em termos de dólares australianos). Comparado com o ano anterior, os preços da lã estão entre 17% e 25% menores, apesar dos preços em julho de 2011 terem alcançado níveis quase recordes.

Apesar das recentes quedas nos preços, os atuais níveis de preços da lã estão bem acima dos preços médios vistos nos últimos 20 anos. A lã ultrapassou as fibras competidoras. Os preços do algodão, poliéster e acrílico estão atualmente cerca de 30% acima dos níveis vistos em janeiro de 2006. Em contraste, os preços da lã estão entre 80% e 120% melhores do que em janeiro de 2006.

Apesar da melhora no comércio na semana passada, essa tendência de preços mais estáveis ainda precisa ser confirmada e o desempenho do mercado no próximo leilão será crucial. Um retorno sustentado ao mercado por compradores pode, ainda, ser uma previsão remota, diante das previsões econômicas pessimistas na China, evidências de uma desaceleração nas exportações de têxteis e roupas do país e o aspecto ainda não competitivo dos preços da lã com relação a outras fibras.

Com as condições de demanda na indústria têxtil de lã devendo ser mais fraca nos próximos meses, os preços da lã poderão cair um pouco mais nos próximos meses. Os maiores volumes dos países produtores do Hemisfério Sul durante a primavera nessa região (setembro-novembro) poderão colocar alguma pressão nos preços.

Apesar dessa perspectiva moderada em curto prazo, os principais indicadores das condições econômicas da Organização de Desenvolvimento Econômico e Cooperação apontam para um momento decisivo na tendência de queda nos preços da lã vista nos últimos nove meses. Crítico à previsão serão os desenvolvimentos nas vendas varejistas nos Estados Unidos, Europa e Japão no outono/inverno do Hemisfério Norte.

A reportagem é do site www.sheepusa.org, traduzida e adaptada pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade