Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

RS continua investigação sobre scrapie no estado

postado em 05/09/2006

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

O Departamento de Produção Animal (DPA) da Secretaria de Agricultura (SAA) e o Mapa reúnem-se hoje para definir os novos rumos da investigação sobre o foco de scrapie confirmado no Rio Grande do Sul. Até agora, os técnicos já rastrearam as 12 ovelhas da família do carneiro da raça Suffolk, de São Lourenço do Sul, morto em agosto. Os exemplares foram encontrados em duas cabanhas de outros dois municípios gaúchos ainda não divulgados. Destes, nove estão vivos.

O DPA está realizando coletas de sangue desses animais para exame de genotipagem, feito pelo laboratório da Ulbra, em Canoas. O chefe da divisão e fiscalização de defesa sanitária da SAA, Fernand Gr'ff, explicou que ainda não há resultados conclusivos, mas que a investigação objetiva mostrar se o animal é suscetível ao scrapie ou resistente. "Caso seja suscetível, é eliminado", informou em notícia do Correio do Povo/RS.

A propriedade de São Lourenço está interditada desde 8 de agosto.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2021 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade