carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

RS: reunião discutirá construção de frigorífico de ovinos na região de Pinheiro Machado

postado em 21/06/2013

3 comentários
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Nos primeiros dias de julho, ocorre, em Porto Alegre, uma reunião com o presidente do Comitê de Fruticultura da Metade Sul do Estado, Adelino dos Santos, com o empresário e produtor rural Luiz Eduardo Batalha e o secretário da Agricultura, Luiz Fernando Mainardi. A pauta do encontro é a expectativa de construção de um frigorífico voltado para a ovinocultura e o objetivo é fomentar o desenvolvimento da atividade na região.

No início desse mês, em encontro realizado nas dependências da Inspetoria Veterinária e Zootécnica de Bagé, Santos e Batalha apresentaram o projeto para o secretário da Agricultura. “Buscamos, com a apresentação do projeto, efetivar uma parceria com o Governo do Estado para que o frigorífico seja estabelecido dentro do âmbito público e privado”, argumentou Adelino dos Santos sobre a possibilidade de um investimento privado do empresário Luiz Eduardo Batalha com apoio público da Secretaria da Agricultura.

De acordo com o presidente do Comitê da Fruticultura da Metade Sul do Estado, o projeto tem boas perspectivas de vingar por conta dos aspectos que fazem da região e, em especial, o município de Pinheiro Machado, um polo para a ovinocultura. “É uma região identificada com essa produção. Pinheiro Machado tem a principal feira do Brasil no setor ovino e, por isso, acreditamos que é necessário essa contrapartida”, comenta Adelino dos Santos, ao reiterar que Mainardi se mostrou favorável à ideia da construção do frigorífico.

A ideia é construir o estabelecimento às margens da BR-293, nas proximidades do município de Pinheiro Machado. “Precisamos que ele (o frigorífico) fique em um local de fácil acesso, tanto para os trabalhadores como também para escoar a produção”, finalizou Adelino.

A reportagem é do Jornal Folha do Sul, adaptada pela Equipe FarmPoint.  

Avalie esse conteúdo: (3 estrelas)

Comentários

Enei Roberto Veiga da Silva

Arroio Grande - Rio Grande do Sul - Produção de ovinos de corte
postado em 21/06/2013

Acho a ideia muito oportuna. Já  era tempo da região contar com o frigorífico, buscando dar suporte a uma das importantes atividades locais. Eu, pessoalmente, defenderia a ideia de que fosse criada uma cooperativa, onde os produtores tivessem a oportunidade de uma maior participação na cadeia gerada.

roger pagel soares

Tupanciretã - Rio Grande do Sul - Consultoria/extensão rural
postado em 24/06/2013

Muito oportuna idéia,tb priorizaria uma cooperativa de produtores,mas este projeto parece ser privado/publico , se as entidades representativa dos ovinocultores participarem efetivamente da construção do projeto ,creio ser uma ótima oportunidade para participarmos mais da cadeia produtiva da ovinocultura.Também seria interessante que este projeto fosse abrangente a todo o Rio Grande,pois existem criadores em todo o Estado.

Leonardo Fortes

Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Indústria frigorífica
postado em 26/06/2013

É um absurdo o conteúdo abordado acima. O Sr. Mainardi, secretário da agricultura do estado, criado de ovinos no município de Bagé, o mesmo que alguns meses atrás impôs barreiras para as indústrias do setor ( impondo a obrigatoriedade do pagamento do fundovinos, R$ 7,79 por ovino abatido que é um preço economicamente inviável para o setor), que fez já algumas indústrias fugirem para outros estados ou até mesmo fecharem suas portas. Imposição esta, efetuada sem mesmo conhecer a realidade industrial, sem contatar o SICADERGS ( Sindicato da Indústria de Carnes e Derivados do RS).

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade