Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

RS: S. Boa Vista já prepara próxima venda de cordeiros

postado em 02/01/2007

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

O remate promovido pela Associação de Criadores de Ovinos e Caprinos (Acroc) de Santana da Boa Vista (RS), entre 14 e 15 de dezembro, comercializou 1.261 animais, entre ovinos e bovinos, segundo a organizadora, Querência Negócios Rurais. A previsão inicial era a comercialização de mil animais.

"Foi um resultado muito bom. Agora, vamos preparar o remate de Páscoa, que será o primeiro remate oficial oferecido por Santana da Boa Vista nessa época do ano", afirmou o secretário municipal de agricultura, Enilton Borba.

De acordo com o presidente da Acroc, João Pinto, o leilão é a principal forma de comercialização adotada pelos 20 associados. E ele tem possibilitado a abertura de novos mercados para os produtores locais. A estimativa da prefeitura é que existam 70 mil cabeças de ovinos no município, constituindo um dos maiores rebanhos da região sul do estado.

"Em março, vamos vender a cordeirada que ainda não estava pronta para ser comercializada agora", disse o consultor do programa Juntos para Competir, Marcelo Grazziotin.

As informações são da Agência Sebrae de Notícias do RS.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade