carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

RS: seminário sugere melhor gestão na ovinocultura gaúcha

postado em 23/07/2013

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Projetos do Governo do Estado que visam o desenvolvimento da ovinocultura foram apresentados no seminário Ovinos da Campanha 2013, pelo secretário da Agricultura, Pecuária e Agronegócio, Luiz Fernando Mainardi, nesta segunda-feira (22). O evento ocorre até esta terça-feira (23), no município de Santana do Livramento. Mainardi explicou que, embora a criação de ovinos faça parte da tradição do produtor gaúcho, a ovinocultura gira em torno da renda e, por isso, estão sendo desenvolvidas políticas de estímulo ao setor. "Há muitos anos se ouve falar que precisamos alavancar a ovinocultura, e nós já avançamos muito com o programa Mais Ovinos no Campo e com a ativação do Fundovinos. O fundamental é que contamos com o apoio e a sensibilidade do Governo do Estado", destacou.

Entre os problemas apontados por Mainardi, está a gestão na propriedade. Conforme ele, o fortalecimento da assistência técnica junto aos estabelecimentos é essencial para a capacitação e qualificação, assim os manejos adequados passam a ser adotados e o resultado é o aumento da taxa de natalidade nos rebanhos. O secretário defende ainda que o produtor precisa estar integrado à indústria e ao mercado. "Precisamos caminhar para que o produtor saiba por quanto vai vender e que a indústria possa oferecer carne o ano inteiro. Para isso também é fundamental o envolvimento das associações de raça", afirmou Mainardi.

Câmara Setorial

A palestra do secretário ocorreu após a reunião da Câmara Setorial da Ovinocultura que, pela primeira vez, se reuniu no interior do Estado, e, nesta oportunidade, validou dois projetos que visam o desenvolvimento do setor. O primeiro, apresentado pelo pesquisador da Embrapa Pecuária Sul, José Carlos Ferrugem, visa a ampliação do gene Booroola - o qual tem por finalidade o aumento da prolificidade em ovinos. Já o segundo projeto, apresentado por Rafael Renner, representante da Associação Brasileira de Criadores de Corriedale (ABCC), foi o de certificação da carne e da lã da raça Corriedale, que tem como objetivo agregar valor à produção, além da criação de uma marca para certificação de origem.

O seminário é uma realização da Associação e Sindicato Rural de Santana do Livramento, da Prefeitura Municipal e do programa Juntos para Competir, parceria entre Farsul, Senar e Sebrae.

Participaram do evento autoridades locais, secretários da Agricultura de municípios da região, técnicos, associações de raças e produtores rurais.

As informações são do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, adaptadas pela Equipe FarmPoint.
 

Avalie esse conteúdo: (5 estrelas)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade