Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Ajuda a produtores ovinos da Argentina agora é lei

postado em 09/08/2011

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Sem passar por comissões, como habitualmente se faz, para não dilatar a sanção definitiva, a Câmara de Deputados da Argentina aprovou na semana passada, em uma sessão especial e por unanimidade, a ajuda econômica a produtores ovinos de toda a Patagônia.

A lei, que contava com meia sanção do Senado desde o final de junho, perdoa "o capital e os juros daqueles créditos outorgados a pequenos e médios produtores ovinos da região patagônica". O benefício faz parte da Lei Ovina, recentemente modificada por outra norma que ampliou o mínimo de recursos destinados pelo Estado ao Fundo de Recuperação Ovina em 80 milhões de pesos (US$ 19,33 milhões), dos 20 milhões de pesos (US$ 4,83 milhões) originais.

A norma, sancionada semana passada, estabelece um programa transitório para a retenção de ventres ovinos e caprinos, também com foco nos pequenos e médios produtores "durante um período de três anos" a partir da sanção da norma, ou seja, até 3 de agosto de 2014. No programa, podem entrar produtores com no máximo 5.000 animais, enquanto que a autoridade de aplicação do programa será o Ministério da Agricultura da Argentina.

"Essa iniciativa é um ato necessário de solidariedade e, por isso, a respaldamos, ainda que acreditemos que é insuficiente para dar resposta às urgências de tantos argentinos. É fundamental que se perdoe as dívidas dos produtores afetados e que se implemente um programa para recuperar os rebanhos", disse o deputado, Ulises Forte.

Ele disse que embora o projeto preveja o financiamento através do fundo de recuperação da pecuária ovina, o Estado Nacional deverá fornecer recursos nesse sentido. "O fundo tem como objetivo específico a promoção da atividade ovina e esta crise tem uma grande envergadura, de forma que cremos que também o Governo Nacional deve destinar parte dos fundos do recorde fiscal para ajudar os produtores".

Em 08/08/11 - 1 Peso Argentino = US$ 0,24175
4,13023 Peso Argentino = US$ 1 (Fonte: Oanda.com)

A reportagem é do El Enfiteuta, traduzida e adaptada pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2021 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade