Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

AL: criadores de ovinos e caprinos recebem pesquisadores para mapeamento de produção em 2012

postado em 11/12/2012

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

O grupo gestor do Arranjo Produtivo Local (APL) Ovinocaprinocultura realiza visita a dois municípios do seu território para auxiliar na aplicação da segunda fase de um questionário para mapeamento da área, realizado pelo Sebrae/AL. O acompanhamento acontece entre os dias 11 e 12 de dezembro, após a conclusão dos resultados de artesãos de couro, em Batalha, e produtores de assentamentos da Cooperativa de Agricultores Familiares do Sertão de Alagoas (Cafisa), em Pão de Açúcar.

A iniciativa tem como objetivo avaliar a evolução dos produtores. Na pesquisa em questão, esse resultado é equivalente ao desempenho das atividades que aconteceram ao longo de 2012. "Acompanhar a aplicação desse tipo de pesquisa é muito importante para nós. Não se faz planejamento sem que exista uma noção do território. Nós, que atuamos na localidade, vamos auxiliar a equipe para que ela retrate com o máximo de veracidade a atual situação desses produtores", explica o gestor do APL, Reginaldo Guedes.

De acordo com Reginaldo, o questionário foi modificado a pedido da gestão do APL, para aprimorar o alcance ao produtor. Perguntas como a produtividade, escoamento de produção e o tamanho do rebanho estão presentes na sabatina, que ouvirá mais de 60 integrantes do arranjo.

"Com esses números poderemos ter um banco de dados organizado, que vai nos possibilitar averiguar quais ações precisam ser melhoradas, o que deu certo e pode ser implantado em outra região. No final das contas vamos ter uma reflexão sobre a conjuntura atual do nosso Arranjo, objetivando sempre a melhoria das nossas práticas", garante.

Com previsão para o término no dia 12, uma empresa será contratada pelo Sebrae para facilitar o tabulamento das informações. A previsão é de que em até 60 dias esse quadro funcional esteja pronto, disponível para avaliação de sua coordenação.

As informações são da Agência Alagoas, adaptadas pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2022 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade