carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

China aumenta apetite por carne ovina australiana

postado em 21/02/2014

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

A maior demanda da China por carne ovina levou suas importações em 2013 a aumentar 106%, para 254.379 toneladas, de acordo com dados do China Customs Bureau. A rápida urbanização da China, as maiores rendas e a dieta cada vez mais diversa estão entre os fatores que estimularam o crescimento.

A Austrália foi responsável por cerca de 42% das importações totais de carne ovina da China em 2013. Apesar disso, os envios somente representaram cerca de 5% do consumo total de carne ovina chinesa. Os usuários finais chineses estão cada vez mais interessados em comprar diferentes partes dos ovinos e a carne pode ser encontrada em restaurantes halal, de hot pot e uma ampla gama de restaurantes no país.

2013 também marcou vendas recordes de carne ovina e caprina australiana para a China, à medida que o país se torna o maior mercado de exportação para carne de cordeiro e carneiro da Austrália e o segundo maior mercado de exportação para a carne caprina australiana.

A reportagem é do Meat and Livestock Australia (MLA), traduzida e adaptada pela Equipe FarmPoint.
 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade