Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

PB: Comitê aprova projetos que beneficiam 163 famílias do setor agropecuário

postado em 05/06/2014

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

O Comitê Executivo de Gestão dos Investimentos Produtivos do Projeto de Desenvolvimento Sustentável do Cariri, Seridó e Curimataú (Procase) aprovou na última terça-feira (03), no auditório da Companhia de Desenvolvimento da Paraíba (Cinep), dez novos projetos que beneficiarão diretamente 163 famílias de sete municípios paraibanos, com investimentos de aproximadamente R$ 960 mil.

Dos 14 projetos submetidos ao comitê, dez foram aprovados, sendo cinco para área de caprinocultura, quatro para o desenvolvimento da fruticultura e um para o setor da apicultura. “Tivemos uma boa taxa de aprovação no comitê, contemplando três linhas de investimentos produtivos diferentes, nas regiões do Curimataú, Médio Sertão e Cariri Ocidental”, disse a coordenadora do Procase, Dirce Ostroski.

Os projetos destinados à caprinocultura estão estruturados para garantia do suporte hídrico, produção e estocagem de forragem, a aquisição de animais e o beneficiamento e comercialização do leite. “Só nessa linha de investimento produtivo, serão destinados cerca de R$ 580 mil para cinco comunidades rurais nos municípios de Barra de Santa Rosa, Algodão de Jandaíra, Santa Luzia e Salgadinho”, destacou o gerente de Investimento Produtivo e Inserção do Mercado do Procase. Miguel David.

Para o desenvolvimento da cadeia produtiva da fruticultura, serão investidos aproximadamente R$ 270 mil, estruturando o processo de beneficiamento e comercialização de quatro comunidades nos municípios de Damião, Cuité e Santa Luzia. Já o projeto de apicultura vai investir R$ 110 mil na Associação dos Apicultores e Meliponicultores de São José dos Cordeiros, com a estruturação de apiários, obras hídricas, implantação de um pasto apícola e a construção de uma unidade básica de extração de mel.

Os projetos apresentados no comitê são referentes ao segundo edital de chamamento público do Procase, que teve prazo para envio de propostas encerrado no último dia 20 de maio. “É importante ressaltar que os quatro projetos que não foram aprovados neste comitê não foram descartados e serão objetos de análise da próxima reunião, após algumas alterações”, acrescentou Dirce Ostroski.

Comitê Executivo – O Comitê Executivo de Gestão dos Investimentos Produtivos (Cegip) é composto exclusivamente por representantes de entidades públicas, com experiência ou responsabilidade político-institucional em alocação de recursos para investimentos produtivos, sendo presidido pelo secretário da Secretaria de Estado da Agropecuária e Pesca e composto por representantes da Emater, Emepa, Secretaria de Estado de Planejamento, Cooperar, Secretaria de Estado de Turismo e Desenvolvimento Econômico, CDRM, Empreender, Secretaria de Estado de Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, Sudema, Delegacia do Ministério do Desenvolvimento Agrário na Paraíba, BNB, Superintendência Federal de Agricultura (SFA), Aesa e UFCG.

As informações são do Governo da Paraíba, adaptadas pela Equipe FarmPoint.
 

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade