carregando...
Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Reunião busca soluções para alavancar a pecuária e a ovinocultura em São Carlos/SP

postado em 14/08/2014

1 comentário
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Com objetivo de buscar união e soluções estruturadas através de conceitos e arranjos produtivos local, a Prefeitura Municipal de São Carlos, através da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, juntamente com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), o Serviço Brasileiro de Apoio a Micro e Pequena Empresa (Sebrae) e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), realizaram na manhã da última terça-feira (12), um encontro para alavancar a produção pecuária de corte, leiteira e ovinocultura no município.

Durante o encontro na Fazenda Canchim, sede da Embrapa Pecuária Sudeste, os presentes puderam discutir técnicas de produção, competências, inclusão social, melhorias de renda e problemas enfrentados pelos produtores rurais na cidade, que já foi considerada a bacia leiteira do estado.

Na ocasião, o vice-prefeito e Secretário Municipal de Agricultura e Abastecimento, Cláudio Di Salvo, falou do impacto com o fim das cooperativas e como o município conseguiu incentivar o setor da agricultura, através de programas de credenciamento dos produtores rurais junto ao Ministério da Agricultura, como a produção e venda direta de produtos, inclusive orgânicos, em que grande parte é destinada para a merenda escolar.

“Temos que buscar a fundo, quais foram os motivos e erros que levaram o fim das cooperativas, a queda da pecuária e ovinocultura para, assim, encontramos uma solução em que a região seja concorrente no cenário atual. Hoje, temos um conceito que a modernidade não é mais favorável e sim o diferencial, como exemplo, o cultivo de produtos orgânicos, que é um desafio e ao mesmo tempo um nicho de mercado, já que muitas pessoas buscam qualidade do produto e pagam bem por isso, gerando maior renda para o homem do campo”, disse Cláudio.

A próxima etapa será a realização de um encontro direto com os produtores previsto para o próximo dia 29 de agosto.

Estiveram presentes na reunião, o chefe geral da Embrapa Pecuária Sudeste, Rui Machado, o Chefe de Transferência de Tecnologia, André Novo, a Supervisora do Núcleo de Transferência de Tecnologia, Thaisy Sluszz, o chefe administrativo Marco Aurélio Bergamaschi, o Coordenador Geral Administrativo e Técnico do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), Sérgio Perrone Ribeiro, o Consultor de Agronegócio no Sebrae, Luis Adriano Alves Pinto, a diretora de Abastecimento, Mara Setti Mendes e o diretor de Agricultura Paulo Porto.

As informações são da Prefeitura de São Carlos, adaptadas pela Equipe FarmPoint.
 

Avalie esse conteúdo: (4 estrelas)

Comentários

Flavio Schirmann

Formigueiro - Rio Grande do Sul - Ovinos/Caprinos
postado em 19/08/2014

Como isso pode acontecer? Por aqui a pecuária de corte, de leite e a ovinocultura, bem como as cooperativas estão de " vento em popa". Nunca esteve tão bom para investir nestes setores. O leite vendido a R$ 1,20 na fazenda e o cordeiro a R$ 5,50 o kg vivo deixa um bom lucro. Nosso problema é a falta de mão-de-obra. A concorrência com as atividades urbanas é desleal. Nossa atividade é a "céu aberto" sujeita a "chuvas e temporais", ninguém mais quer "passar trabalho". Saudações Ovelheiras!

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Copyright © 2000 - 2020 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade