Fechar
Receba nossa newsletter

É só se cadastrar! Você recebe em primeira mão os links para todo o conteúdo publicado, além de outras novidades, diretamente em seu e-mail. E é de graça.

Iniciativa do Sebrae estimula a ovinocaprinocultura

postado em 14/03/2012

Comente!!!
Aumentar tamanho do texto Diminuir tamanho do texto Imprimir conteúdo da página

 

Os criadores de cabras e ovelhas de Sergipe receberão apoio para o desenvolvimento da atividade no estado. Cerca de 200 produtores serão atendidos pelo Programa Cordeiro e Cabrito de Qualidade, desenvolvido pelo Sebrae em Sergipe e pela Federação das Associações de Criadores de Caprinos e Ovinos de Sergipe (Faccos). Eles se reuniram com as duas instituições e o deputado estadual João Daniel (PT), nessa segunda-feira (12).

O Sergipe representa 1% do rebanho de cabras e ovelhas do Nordeste. No entanto, a atividade tem desempenho acima da média se comparada a outros estados, segundo dados do Sebrae em Sergipe. Entre 2000 e 2008, o segmento aumentou 58%. "Na região leste do estado, a caprinocultura apresentou índices de crescimento superiores a 130% no mesmo período. Isso mostra o grande potencial da nossa produção. Faltam apenas políticas públicas que fortaleçam a caprinovinocultura", destaca o gestor do Projeto de Caprinos e Ovinos do Sebrae no estado, Antônio Cardoso.

No encontro dessa segunda-feira, os criadores reivindicaram que o leite de cabra e seus derivados sejam incluídos na merenda das escolas. Eles querem que o governo estadual crie uma política pública que garanta a aquisição do produto, nos moldes do que já acontece hoje na Paraíba.

Os produtores pediram ainda a regularização da licença de um abatedouro localizado no município de Ribeirópolis. O espaço, reformado recentemente, aguarda a aprovação da Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro) para iniciar as operações. "Foram feitas as reformas exigidas, mas até agora não foi realizada a vistoria para aprová-las", explicou o presidente da Faccos, João Teles.

O deputado João Daniel disse que as reivindicações serão encaminhadas ao governo para análise. Ele ressaltou ainda que atuará para que o governo federal libere recursos para aumentar a assistência técnica no estado.

As informações são da Agência SEBRAE de Notícias, adaptadas pela Equipe FarmPoint.

Avalie esse conteúdo: (e seja o primeiro a avaliar!)

Envie seu comentário:

3000 caracteres restantes


Enviar comentário
Todos os comentários são moderados pela equipe FarmPoint, e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva dos leitores. Contamos com sua colaboração. Obrigado.

Quer receber os próximos comentários desse artigo em seu e-mail?

Receber os próximos comentários em meu e-mail

Copyright © 2000 - 2019 AgriPoint - Serviços de Informação para o Agronegócio. - Todos os direitos reservados

O conteúdo deste site não pode ser copiado, reproduzido ou transmitido sem o consentimento expresso da AgriPoint.

Consulte nossa Política de privacidade